Sensor de luminosidade controlando mais de 1 fileira

Moderador: admincomercial

fmonteiro
Mensagens: 4
Registrado em: Ter Set 20, 2016 5:04 pm

Sensor de luminosidade controlando mais de 1 fileira

Mensagem por fmonteiro »

Bom dia a todos.

Gostaria de saber se para atender ao pré-requisito de iluminação natural é preciso ter somente a primeira fileira em um circuito independente, ou pode ser as duas fileiras próximas às aberturas, controladas por um sensor de luminosidade, tendo em vista que a segunda fileira está próxima também à abertura.

Além disso, no projeto que estou analisando, existem algumas salas que são relativamente pequenas (9,4 m², com a segunda fileira a 3,3m da abertura) que contém 4 luminárias, dispostas em 2 fileiras paralelas à abertura, contendo sensor de luminosidade e presença. Neste caso, seria necessário separar a primeira fileira para este ambiente? A figura abaixo mostra um exemplo do caso.

Imagem

Obrigado.
Avatar do usuário
comercial
Mensagens: 281
Registrado em: Seg Jun 09, 2014 11:13 pm

Re: Sensor de luminosidade controlando mais de 1 fileira

Mensagem por comercial »

fmonteiro escreveu:Bom dia a todos.

Gostaria de saber se para atender ao pré-requisito de iluminação natural é preciso ter somente a primeira fileira em um circuito independente, ou pode ser as duas fileiras próximas às aberturas, controladas por um sensor de luminosidade, tendo em vista que a segunda fileira está próxima também à abertura.

Além disso, no projeto que estou analisando, existem algumas salas que são relativamente pequenas (9,4 m², com a segunda fileira a 3,3m da abertura) que contém 4 luminárias, dispostas em 2 fileiras paralelas à abertura, contendo sensor de luminosidade e presença. Neste caso, seria necessário separar a primeira fileira para este ambiente? A figura abaixo mostra um exemplo do caso.

Imagem

Obrigado.
Prezado,
Conforme o item 4.1.2, se a fileira próxima da janela possui controle manual ou automático (sensor de luminosidade), esta atende ao pré-requisito.
Responder

Voltar para “4.1.2. Contribuição da luz natural”